O Laboratório Alvaro está de cara nova!

Deseja tornar este perfil sua página inicial quando acessá-lo novamente?

X

Atendimento ao Cliente:

Menu de Exames

17-HIDROXI PREGNENOLONA

A A

O Laboratório Alvaro oferece mais de 1400 tipos de exames de prevenção e tratamento. Consulte abaixo todas as informações e orientações para cada tipo.

  • Código: 17HIDROXIP
  • Material: soro congelado EXT
  • Sinônimo: 17-HIDROXI PREGNENOLONA
  • Volume: 2,0 mL
  • Método: Cromatografia Líquida/Espectrometria Massas (LC/MS-MS)
  • Volume Lab.: 2,0 mL
  • Rotina: Array
  • Resultado: 30 dia(s)
  • Temperatura: Congelado
  • Coleta: - Jejum não necessário. - Coletar sangue total sem anticoagulante em 1 tubo Soro-Gel ou com Ativador de Coágulo. - Aguardar 30 minutos e centrifugar a amostra. - Enviar no mínimo 1,0 mL de soro congelado. - Para solicitações de curva de 17-hidroxi pregnenolona após administração de ACTH sintético (cortrosina simples), cadastrar cada tempo em uma ordem de serviço (OS) diferente.
  • Código SUS:
  • Código CBHPM: 4.03.05.09-0

Interpretação

  • A 17 hidroxipregnenolona é gerada a partir da pregnenolona por ação da enzima 17-alfa-hidroxilase. Posteriormente, dá origem à 17 hidroxiprogesterona sob a ação da enzima 3-beta-hidroxiesteróide desidrogenase e à dehidroepiandrosterona (DHEA), sob a ação da 17-alfa-hidroxilase. Na hiperplasia adrenal congênita (HAC) por deficiência da 3-beta-hidroxiesteróide desidrogenase ocorre desvio da síntese de esteroides para a via androgênica com sinais de virilização e 17 hidroxipregnenolona elevada. Este defeito enzimático também pode ser observado em casos de tumores virilizantes das suprarrenais. Por outro lado, na deficiência da enzima 17-alfa-hidroxilase ocorre síntese inadequada da 17 hidroxipregnenolona, cortisol e esteroides sexuais, com secreção de grandes quantidades de corticosterona, desoxicorticosterona e DOC, com infantilismo sexual, hipertensão, hipocalemia e alcalose e a 17 hidroxipregnenolona é baixa. Indicações: Indicada para aavaliação de algumas formas pouco frequentes de HAC:3-beta-hidroxiesteróide desidrogenase e 17-alfa-hidroxilase. Interpretação clínica: 17 hidroxipregnenolona elevada sugere defeito da 3-beta-hidroxiesteróide dehidrogenase. 17 hidroxipregnenolona baixa pode ocorrer na deficiência da enzima 17-alfa-hidroxilase. Sugestão de leitura complementar: Lin-Su K, Nimkarn S, New MI. Congenital adrenal hyperplasia in adolescents: Diagnosis and management. Ann New York Acad Sci 2010; 1135: 95-8. Miller WL, Auchus RJ. The Molecular Biology, Biochemistry, and Physiology of Human Steroidogenesis and Its Disorders. Endocrine Reviews 2011; 32: 81-151

Referência

  • Idade Meninos (ng/mL) Meninas(ng/mL)
  • *< 12 meses: 0,14 - 7,66 0,62 - 8,28
  • *1 - 5 anos: 0,12 - 1,03 0,10 - 0,47
  • 7 - 9 anos: inferior a 1,87 inferior a 2,12
  • 10 - 11 anos: inferior a 3,87 inferior a 3,20
  • 12 - 13 anos: inferior a 3,62 inferior a 3,62
  • 14 - 15 anos: 0,32 - 4,28 0,28 - 4,22
  • 16 - 17 anos: 0,31 - 4,78 0,25 - 4,90
  • Homens: 0,36 - 4,09
  • Mulheres: inferior a 2,08
  • *Lashansky G et al., 1991 (Lashansky G et al.Nor-
  • mative Data for Adrenal Steroidogenesis in a
  • Healthy Pediatric Population: Age- and Sex-Related
  • Changes after Adrenocorticotropin Stimulation.The
  • Journal of Clinical Endocrinology & Metabolism
  • 1991, 73:3.
  • Kushnir M et al., 2001 (Kushnir MM, Rockwood AL,
  • Roberts WL, et al: Development and performance
  • evaluation of a tandem mass spectrometry assay for
  • 4 adrenal steroids.Clin Chem2006;52(8):1559-1567).
  • * Fonte: Referência Bibliográfica
  • ATENÇÃO:Alteração de valor de referência a partir
  • de 29/08/2016.
  • Valor de referência antigo:
  • Idade Meninos (ng/mL) Meninas(ng/mL)
  • 7 a 9 anos: Inferior a 1,87 Inferior a 2,12
  • 10 a 11 anos: Inferior a 3,87 Inferior a 3,20
  • 12 a 13 anos: Inferior a 3,62 Inferior a 3,62
  • 14 a 15 anos: 0,32 a 4,28 0,28 a 4,22
  • 16 a 17 anos: 0,31 a 4,78 0,25 a 4,19
  • Homens: 0,36 a 4,09 ng/mL
  • Mulheres: Inferior a 2,08 ng/mL
  • Kushnir MM, Rockwood AL, Roberts WL, et al:
  • Development and performance evaluation of a tandem
  • mass spectrometry assay for 4 adrenal steroids.
  • Cl 2006;52(8):1559-1567.